Teatro e a minha emoção continuam analógicos

Se existe um reconhecimento mundial bem merecido é o respeito depositado no teatro britânico. É necessária uma blindagem contra o enriquecimento da própria existência para não se entusiasmar com a oferta inesgotável de produções em Londres. São tantas, tão variadas, tão criativas, tão extraordinárias. Tem teatro infantil, teatro shakespeariano, teatro musical, teatro feito pela comunidade LGBT, atuado por autistas/sem teto/portadores de síndromes diversas… E muitos, muitos mais. São mais de 230 teatros profissionais na capital; 100 mil assentos ‘a venda. Sempre cheios. Juro.

Old Vic, lotado

Ontem fui ver um clássico: Present Laughter, do Noel Coward. Este dramaturgo, compositor, ator e cantor é mais clássico do que suas produções.Present Laughter está num dos mais antigos e respeitados teatros de Londres. The Old Vic.

Conhecido por sua perspicácia, Coward possuía uma espiritualidade chique. Eu descreveria como um bom senso charmoso. Seu humor, porém, é minha qualidade favorita. Eu gosto de longas caminhadas, especialmente quando feitas por pessoas que me incomodam”. “Ele é completamente intocado (não afetado) pelo fracasso” . “Se você precisa de motivação, pense no pagamento no final da semana”

No papel principal de Present Laughter, como Garry Esseldine, está o extraordinário Andrew Scott. Vocês lembram dele como Moriarty , nemesis do Sherlock? Esseldine é um ator famoso, com uma vida sexual colorida e um complexo de Peter Pan. É uma comédia de erros, típica dos anos 40, onde personagens aparecem e desaparecem em portas variadas causando espanto, surpresa e gargalhada geral. Assistam o trailer dos ensaios.

Vi o mesmo Andrew Scott, ano passado, como Hamlet. Fiquei embasbacada. Uma verdadeira catarse emocional. Algumas semanas atrás, ele fazia o papel de um padre sexy numa série premiada de TV. Da sua geração, Scott tem 42 anos, ele é o mais versátil e arrojado. Benedict Cumberbatch e Eddie Redmaine são excelentes mas não fazem teatro. Guardem este nome, Andrew Scott. E assistam TUDO com ele.

O teatro é uma paixão minha. Maior do que os livros. (Bem mais cara também) . A qualidade dos desempenhos me emociona. Tudo acontece ali na sua frente, em carne e osso. Emoção e indiferença. Volúpia e amargura. Naquele momento único. Pestanejou e perdeu a piada. Olhou pro lado e lá se vai a explicação da cena seguinte. Entro em transe, esqueço quem sou. Saio anestesiada com a eloquência, a versatilidade, a criatividade e todas as outras ‘dades’ positivas que você possa imaginar. E eu aguentar.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s